Compartilhe:

A primeira coisa a fazer é separar as músicas que pretende gravar. Isso pode parecer óbvio, mas já chegou cliente ao meu estúdio para gravar sem ter pelo menos todas as músicas selecionadas para o seu CD.

A escolha do repertório não deve ser feita de qualquer maneira, pois é a partir disso que o trabalho será feito.

Muitos artistas compõem suas próprias músicas, mas convém ressaltar que há milhares de compositores com boas músicas.

Seja um Membro VIP no Maior Portal Online de Home Studio!

É claro que você terá de pagar para conseguir gravar essas músicas, mas aviso: uma boa letra e uma boa melodia são 50% para se obter uma boa produção.

Falo isso porque existem músicas em que fica quase impossível de se fazer uma boa produção, pois a letra e melodia em si não possuem nexo. É claro que o produtor sempre dá um jeito, mas têm músicas que se escuta uma única vez e as ideias surgem espontaneamente. Isso é consequência da boa qualidade tanto da letra como da melodia.

Gaste o tempo que for necessário nesta etapa, execute a maior quantidade de músicas possíveis e peça aos compositores conhecidos que enviem músicas para você.

No meu caso, quando chega um artista sem repertório para gravar, mostro logo algumas músicas de alguns compositores com quem tenho parceria.

Quanto ao dinheiro, terá de investir um pouco para conseguir boas músicas. Por isso, reserve uma porcentagem para o seu repertório, mesmo que seja apenas de duas músicas, mas já é um começo para um bom trabalho.

Deixe seu comentário sobre o assunto.

Grande abraço.