Compartilhe:

O Produtor Musical é a pessoa que vai acompanhar o projeto da gravação de um artista do início ao fim…. Ou não!

Bem, existem diversas formas, de um produtor trabalhar…

Uma delas é um produtor que tem:

– Os melhores músicos;

– Um bom engenheiro de gravação;

– Um bom artista;

– Um bom estúdio;

– E, por último, horas no estúdio sem limites.

Com tudo isso, o papel do produtor torna-se fácil, já que tudo de que ele precisa está disponível.

Agora, tem a outra hipótese:

– Os músicos tocam, mas não estão familiarizados entre si ou com o estúdio

– O engenheiro de gravação está há pouco tempo no ramo;

– O artista canta, mas precisa ser mais lapidado;

– O estúdio é legal, mas deixa a desejar quanto a alguns equipamentos;

– Há limite de horas no estúdio.

Ora, isso é de matar! Primeiro porque o Produtor vai estar correndo contra o tempo devido ao limite de horas de estúdio. E, a pior coisa, para um Produtor Musical, é tempo em estúdio.

Imagine o cara: “Vamos lá, faltam dez minutos para acabar!” Isso deixa qualquer um doido e faz com que detalhes passem despercebidos na gravação.

É, aí que o grande produtor aparece porque fazer as coisas com tudo na mão é mais fácil, já que tem bons músicos com boas ideias, bons instrumentos etc.

Difícil é fazer uma boa produção musical com pouca coisa na mão, que é justamente o caso do segundo exemplo.

Para você fazer o papel de um Produtor Musical é necessário várias coisas, veja algumas delas:

– Às vezes (quase sempre) é preciso se envolver na parte do engenheiro de som, ou, às vezes, é você mesmo quem vai fazer a gravação.

– Você vai acompanhar a cantora na gravação das Guias, do tipo, esse tom não está legal para você… O refrão fica melhor ali ou aqui… Etc.

– Alterar uma parte da letra da música ou mudar a colocação em alguma parte.

– Mudar acordes da música ou melodia…

– Mudar o ritmo da música, deixar mais rápida, mais lenta…

Isso e mais algumas coisas fazem parte do trabalho do Produtor Musical, ou talvez não!

Talvez não, por quê?

Porque muitas vezes o artista quer ser o produtor e acha que do jeito dele está correto.

Bem, é claro que devemos sentar e conversar com o artista com quem iremos trabalhar, trocar informações sobre a música… Mas se você perceber que ele não entende nada de música, aí é o momento de você se impor e dizer a realidade da coisa.

Eu conheço um fato verídico sobre o qual não vou citar nomes por ética, mas aí vai…

Um artista chegou a um produtor para gravar o seu CD, mas este recusou pois sabia que o artista dava muito palpite nas produções. Depois de algum tempo, o artista retornou e concordou que ele poderia produzir e que não palpitaria durante a produção musical.

O produtor apresentou seu orçamento e fez o seu trabalho… Depois de alguns meses de lançamento, o trabalho foi sucesso praticamente em todo o Brasil…

E, aí, quem estava certo em relação a produção musical do CD?

É evidente que o produtor pode errar e o trabalho não dar em nada, mas ele tem mais chance de acertar caso tenha investimento em cima do projeto. Pois de nada adianta o cliente contratar um Produtor e o CD ficar na gaveta, não vai dar em nada. A não ser que o artista seja um sortudo e aparecer alguém que tenha dinheiro e queira investir um pouco, aí é outra coisa.

Voltando ao assunto do Produtor…

Enquanto o CD não ficar pronto o trabalho do Produtor Musical não está concluído, ou seja, desde a voz guia até a masterização, ele tem de acompanhar.

O Produtor Musical precisa saber tocar algum instrumento?

Isso é um fato. Desconheço um produtor musical que não conheça as notas musicais ou que não toque nenhum instrumento.

Uma das coisas que considero importantíssimo é a escrita de partituras. Com isso ganhamos tempo já que, tudo que queremos na gravação, poderemos escrever no papel e entregar ao músico para ele tocar.

Se você quer ser um Produtor Musical, aprenda a escrever e ler partituras isso vai ajudar demais, porém não é isso que vai torná-lo um grande Produtor.

Para mim, um grande Produtor Musical é aquele que tem ideias, que está presente no trabalho, que sabe o que está acontecendo no mercado musical, entre outras qualidades.

Iremos ver mais posts sobre este tema, mas acredito que tenha conseguido passar alguma informação para você que quer começar a produzir.

Qualquer dúvida ou algo que queira compartilhar é só deixar um comentário.

Grande abraço e até a próxima.